O que é um marketplace, quanto custa para vender e como funciona

O que é um marketplace, quanto custa para vender e como funciona

Os marketplaces foram responsáveis por 78% do faturamento das vendas online no ano passado. Apenas em 2020, a compra e venda na web cresceu 47%, indo contra todo o cenário econômico de outros setores, além de registrar a maior alta em 20 anos.

 

A pandemia de COVID-19 fez a população mundial quebrar medos e preconceitos com o comércio eletrônico. Muitos consumidores que, antes, não compravam online, passaram a fazê-lo, o que levou a 40% de aumento nos novos adeptos. Obviamente que o cenário pandêmico fez com que novas empresas ingressassem no mercado para venderem mais e alcançar esses consumidores.

Se você é comerciante e ainda não adentrou ao mundo dos marketplaces, separei algumas dicas e esclareci algumas dúvidas sobre o meio que vão fazer você perder a insegurança de vender seus produtos online. Confira:

Como funciona um marketplace?

O marketplace é uma vitrine online, um site ou plataforma onde diversas empresas podem divulgar e vender seus produtos, como se fosse uma vitrine em um shopping. De forma 100% virtual, esses portais oferecem toda a estrutura necessária para receber os compradores, desde a disposição dos produtos, o cadastro dos mesmos, fotos e descrições. Métodos de pagamento e logística de entrega também são dois fatores que entram nessa conta e tornam a decisão de optar por um marketplace a um e-commerce próprio mais adequado para quem não deseja investir um valor muito alto.

Quanto custa vender em marketplace?

Pasme: não custa absolutamente nada colocar seus produtos à venda em um marketplace. As únicas taxas inclusas em todo esse processo são cobradas apenas como comissão quando as vendas são realizadas. Ou seja, ter o seu produto exposto nesses portais para milhares de consumidores não custará dinheiro do comerciante, apenas quando a compra é de fato finalizada. Nesse caso, trata-se de uma porcentagem cobrada pela plataforma, que também é chamada de fee, calculada devido à estrutura de serviços oferecida.

E-Commerce e Marketplace: quais as diferenças

Sob um panorama geral, vender em marketplaces tem mais vantagens para um comerciante cujo orçamento não é muito alto, principalmente no início. Quem investe num marketplace tem as seguintes vantagens quando comparado a uma loja própria:

  • Baixo custo inicial
  • Baixo investimento em Mídia Digital
  • Alta Rentabilidade
  • Melhor margem de lucro para fabricantes
  • Visibilidade
  • Aumentar a presença/penetração de seus produtos em regiões/cidades que não possuem expressão nas vendas em lojas físicas.

     

    E se eu já possuo um e-commerce?

    Uma coisa é fato: expondo seus produtos em plataformas marketplace, eles terão maior visibilidade e alcance, o que consequentemente, dará mais rentabilidade ao comerciante.

Como eu faço meu cadastro num marketplace?

Há lados bons e ruins. O ruim é que a empresa precisa se cadastrar em cada um dos marketplaces de sua escolha (Magazine Luiza, Amazon, Mercado Livre, entre outros), alimentar e monitorar cada plataforma individualmente considerando as características específicas que cada uma exige. Entre essas tarefas, estão:

  • Organizar a documentação
  • Fazer o credenciamento
  • Configuração e ativação
  • Definir o mix de produtos e melhor precificação
  • Elaborar a descrição dos produtos
  • Personalizar a descrição dos produtos para a exigência de cada marketplace
  • Monitorar os resultados

Apesar de o marketplace trazer diversas vantagens, há muitos detalhes para se atentar, e muitas plataformas para gerenciar. No entanto, há serviços que podem agilizar e facilitar toda a burocracia necessária para investir nesse meio, como, por exemplo, a Hubsales. Como o próprio nome diz, trata-se de um Hub Comercial.

Ou seja, um sistema que concentra e integra tudo num mesmo lugar e, embora haja outros hubs no mercado, a Hubsales faz todas essas etapas e trabalhos por você e, ainda, oferece:

  • Suporte Especializado e Individualizado
  • Suporte no pós venda nos Marketplaces
  • Análise de posicionamento de mercado
  • Entenda melhor os diferenciais Hubsales

Diferente dos demais serviços do mercado, a Hubsales realiza todo o onboarding de cadastramento/contrato, organiza/valida documentação e acompanha assinatura do contrato. Realiza o cadastro no portal quando é termo de adesão, além de transformar a ficha técnica do produto em uma descrição vendável, realizar toda a descrição dos produtos enriquecendo para melhor performance de busca e realizar todo o trabalho de ativação dos produtos em todos os marketplaces, garantindo a máxima do portfólio do Seller ativo e aparecendo na vitrine. Também oferece serviço de setup/onboarding dos produtos mais rápido para indústria e faz a gestão e o monitoramento garantindo performance de venda com GMV no mínimo 30% maior — 70% dos sellers Hubsales performam em venda, sendo que a média nos marketplaces está entre 20 e 30%. O vendedor recebe um gestor de contas que lhe dá todo o suporte no dia a dia e acompanha a performance de venda.

Deixe uma resposta